quarta-feira, 13 de junho de 2012

As Ameixas - Capítulo VIII - Danielle

 
As Ameixas
Capítulo VIII

Danielle
  
Seu hálito indicava 97%
De álcool no sangue,
Completamente embriagada,
Mas alegre.

Dançava gritando
E celebrando sua liberdade.

Tinha herdado dois terrenos
De seu falecido pai.
Morava na rua,
Não quis herdar ausência.

Desapreciava comida japonesa,
Preferia pinga;
Tinha largado a heroína,
Dois anos limpa.

As picadas ainda
Se salientavam no braço.

O que marcava expressivamente
Seus passos e sua honestidade,
Era o trago de cachaça
E o traço de amizade.

(Autor: Michel F.M.)  ©

Um comentário:

Marisete Zanon disse...

Ao menos era honesta a cachaça! rss

Related Posts with Thumbnails