segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

As Ameixas - Capítulo IV - Jennifer


As Ameixas

Capítulo IV

Jennifer


Cinicamente certeira e sincera,
Simpaticamente severa e sádica.

O que aconselho ?
Não afronte, concorde.

Vem normalmente
Com um abraço e um tapa,
Ou um tapa, um abraço e um tapa.

É ou não é uma belezura ?

Quando parte
Deixa seus partidos apertados
E apartados pelo aperto da partida.

Mas, doa a quem doer,
Com sua palma,
Ela delicadamente doa
De bom grado mimos e hematomas.

Nada que seu charme não cure.


(Compositor: Michel F.M.) ©

4 comentários:

Fá Marinho disse...

*-*

http://espelhoinverso.blogspot.com/

Narayana Febril. disse...

Quem não quer ser uma ameixa?

Karine Tavares disse...

Teu blog é lindo, parabéns!

Vem conhecer o meu:
leiakarine.blogspot.com

Marisete Zanon disse...

Hahahahhaahahh!
Cara! Amei muito teus poemas, teu blog, tuas músicas. Maravilhoso!
Sigo e apareço, lógico, quando voltar. Será breve...

Related Posts with Thumbnails